Mais uma página

segunda-feira, fevereiro 11, 2008

Lágrimas Ocultas

Se me ponho a cismar em outras eras
Em que ri e cantei, em que era querida,
Parece-me que foi noutras esferas,
Parece-me que foi numa outra vida...

E a minha triste boca dolorida,
esquecida!E fico, pensativa, olhando o vago...
Toma a brandura plácida dum lago
O meu rosto de monja de marfim...

E as lágrimas que choro, branca e calma,
Ninguém as vê brotar dentro da alma!
Ninguém as vê cair dentro de mim!

Florbela Espanca

5 Comments:

  • Convido-te a apareceres no Shiuuuu.
    Participa, ousa!!!

    By Blogger shiuuuu, at 20 fevereiro, 2008 05:46  

  • _♥♥_♥♥
    _♥♥___♥♥
    _♥♥___♥♥_________♥♥♥♥
    _♥♥___♥♥_______♥♥___♥♥♥♥
    _♥♥__♥♥_______♥___♥♥___♥♥
    __♥♥__♥______♥__♥♥__♥♥♥__♥♥
    ___♥♥__♥____♥__♥♥_____♥♥__♥_____
    ____♥♥_♥♥__♥♥_♥♥________♥♥
    ____♥♥___♥♥__♥♥
    ___♥___________♥
    __♥_____________♥
    _♥____♥_____♥____♥
    _♥____/___@__\\___♥
    _♥____\\__/♥\\__/___♥
    ___♥_____W_____♥
    _____♥♥_____♥♥
    _______♥♥♥♥♥
    Uma Páscoa Muito Feliz
    Beijos

    By Blogger ♥≈Nღdir≈♥, at 18 março, 2008 14:54  

  • obrigada ana pela visitinha! já há muito que por aqui não aparecia ( com tanto problema) mas também não tens actualizado o teu cantinho!
    beijinhos grandes

    By Blogger 2Pintas, at 28 junho, 2008 08:10  

  • "E as lágrimas que choro, branca e calma,
    Ninguém as vê brotar dentro da alma!
    Ninguém as vê cair dentro de mim!"


    Maravilhosa Florbela Espanca. Parabéns pela belíssima escolha.

    Bj.

    By Blogger Dois Rios, at 07 julho, 2008 17:58  

  • Que neste Natal encontres não só na alegria que sentes ao sair das lojas com presentes para as pessoas que amas, mas também na feição triste da criança abandonada nas ruas, na qual muitas vezes esbarramos apressadamente.

    Que encontres no abraço de um amigo, lembrando dos tantos que só têm a solidão como companheira.

    Que encontres na feição de um idoso da tua família, lembrando daqueles que tanto deram de si a alguém.

    Que encontres na lembrança suave
    e sempre viva daquela pessoa querida que já não está mais fisicamente ao teu lado,
    lembrando aqueles que já nem se
    recordam mais quem foram,
    enfraquecidos pelo vazio das suas vidas.

    Na passagem do ano festeja...festeja o ano que acabou
    não apenas como dias que se passaram, e sim como mais um trecho percorrido na estrada da tua vida!

    Festeja por estares aqui!
    Festeja a esperança no ano que se inicia, e no amanhã!

    Feliz Natal e Próspero Ano Novo!!!

    Zeca

    By Blogger Zeca, at 23 dezembro, 2008 07:25  

Enviar um comentário

<< Home